Arquivos Mensais: setembro \30\UTC 2012

Barueri: Candidatos à prefeitura fazem debate na TV Bandeirantes, Assista Agora:

Fonte: Imagem da Tv Bandeirantes na internet.

 

Se Você perdeu o Debate Político dos candidatos a Prefeitura de Barueri 2012, clique abaixo e reveja:

http://videos.band.com.br/Exibir/Candidatos-a-prefeitura-de-Barueri-iniciam-debate-na-Band/174671e2bf9fcb989573fce0323edc6d?channel=975

Hebe Camargo morre aos 83 anos em São Paulo; velório será no Palácio dos Bandeirantes

Atualizado às 14h31.

A apresentadora Hebe Camargo, uma das pioneiras da televisão brasileira, morreu aos 83 anos na manhã deste sábado (29). Hebe teve uma parada cardíaca enquanto dormia em sua casa, em São Paulo. O velório será realizado ainda neste sábado no Palácio dos Bandeirantes, edifício sede do Governo do Estado de São Paulo.

Leia a última entrevista de Hebe Camargo à Folha Hebe imitava Carmen Miranda no rádio antes da carreira na TV Veja curiosidades sobre a carreira de Hebe Camargo

Na última quinta-feira (27), o SBT havia anunciado a volta de Hebe à emissora. Ela estava afastada do canal de Silvio Santos desde dezembro de 2010, quando não renovou seu compromisso e migrou para a Rede TV!.

As idas e vindas de Hebe ao hospital começaram naquele ano, quando ela passou por cirurgia e quimioterapia após ser diagnosticada com câncer no peritônio, membrana que envolve os órgãos do aparelho digestivo.

Em março deste ano, outro susto. A apresentadora passou por outra cirugia para retirar um tumor no intestino. Um mês depois, recuperada, porém um pouco debilitada, voltou ao ar na Rede TV!.

Em junho, Hebe foi levada às pressas ao hospital para a retirada da vesícula. No mês seguinte, ficou internada por cinco dias para realizar exames de rotina.

Hebe

Ver em tamanho maior »

Julia Chequer – 23.abr.12/Folhapress

Anterior Próxima

Primeira gravação do programa da apresentadora Hebe Camargo, após a retirada de um tumor no intestino

DOENÇAS

Em janeiro de 2010, Hebe Camargo foi internada no mesmo hospital, o Albert Einstein, em São Paulo, para a retirada de um tumor.

A operação ocorreu assim que os médicos diagnosticaram nódulos no peritônio, membrana que envolve a cavidade abdominal –um câncer raro, mas tratável, segundo a equipe do hospital.

Após a cirurgia, Hebe começou a fazer sessões de quimioterapia para combater a doença. Em março, em meio ao tratamento, voltou a gravar seu programa, então no SBT, emissora que a acolheu por 25 anos.

“Vou vivendo como se nada tivesse acontecido”, disse a apresentadora ao fim da gravação, acompanhada pela Folha. “Vou para a quimioterapia e não sinto nada, é uma coisa mágica na minha vida”, contou.

Na ocasião, Hebe afirmou que foi um pouco relapsa com sua saúde. “Eu fui um pouco, só fazia exame de sangue”, disse, completando que nunca teve nenhuma doença. “Só ia no hospital pra fazer plástica, ou no peito ou na cara.”

A apresentadora falou ainda sobre a perda de cabelos acarretada pela quimioterapia. “O meu médico comentou com meu sobrinho que meus cabelos iam cair, e foram os cabelos dele que começaram a cair de medo [de contar]. Quando eu soube, não tive impacto nenhum”, disse.

Hebe contou que ligou então para uma conhecida e fez “umas três, quatro” perucas. “Vocês estão crentes que é o meu cabelo? É peruca, pode fotografar!”

Em abril de 2010, a assessoria de imprensa da apresentadora afirmou que o câncer que a acometia já não existia mais.

Hebe

Ver em tamanho maior »

Fernando Santos – 11.jul.89/Folhapress

Anterior Próxima

Hebe Camargo brinca com Xuxa no Teatro Silvio Santos, em São Paulo, antes do início do programa

VOLTA AO SBT

O contrato de Hebe com o SBT foi selado em uma reunião entre a cúpula do SBT e o empresário dela, Cláudio Pessuti. Daniela Beyruti, diretora artística e de programação da rede, José Roberto Maciel, vice-presidente, e Leon Abravanel, diretor de produção, estavam presentes.

“Diretores e colaboradores do SBT comemoram a volta da artista, que sempre foi uma das mais queridas da casa”, dizia o comunicado da rede.

A negociação entre Hebe e SBT ocorria desde junho e foi revelada pela coluna Outro Canal, da Folha. Foi o apresentador Ratinho quem iniciou a aproximação entre as partes.

Em 17 de setembro deste ano, ela se desligou da Rede TV!, cujo compromisso iria até dezembro.

Hebe teria ficado meses sem receber seu salário e participação no merchandising de sua atração. No comunicado em que anunciou a saída da loira, o canal disse não ter pendências financeiras com ela.

Hebe não realiza gravações para a televisão desde junho, quando se submeteu a novas internações por conta de um tratamento contra um câncer no peritônio, descoberto em 2010.

Recentemente, Silvio Santos telefonou para a apresentadora, desejando que ela se recuperasse logo para retornar à TV.

Hebe estava escalada para participar do Teleton, que será exibido pelo SBT em novembro.

Selinhos da Hebe

Ver em tamanho maior »

24.Jul.12/Reprodução/Twitter.com/hebeoficial

Anterior Próxima

Hebe posta foto no Twitter do selinho que deu em Astrid Fontenelle em sua casa

Veja mapa com 6,1 mil vagas na Grande São Paulo

Bairro de Alphaville localizado na cidade de Barueri região Oeste Metropolitana da Grande São Paulo. Foto com direitos autorais de Junior Holanda em 18.09.2012

Vagas são oferecidas pelo Centro de Solidariedade ao Trabalhador. G1 traz tabela dividida por cargos operacionais, administrativos e técnicos.

Do G1, em São Paulo

A região metropolitana de São Paulo tem o total de 6.121 vagas abertas nesta semana, sendo 26 para deficientes, oferecidas pelo Centro de Solidariedade ao Trabalhador (CST), centro de intermediação de mão-de-obra localizado na cidade de São Paulo.

Um subtotal de 5.772 vagas se destina a candidatos que tenham fácil acesso ou residam perto do local de trabalho, uma preferência dos empregadores – veja na tabela abaixo a relação de todos os cargos por áreas (operacional, administrativa e técnica), os requisitos exigidos e os salários mínimos e máximos em cada função.

Mapa de empregos de SP 19-09 (Foto: Arte/G1)

Existem ainda 323 chances para candidatos da Grande São Paulo (Guarulhos, Osasco e cidades do ABC).

Não há um prazo para inscrição. A seleção é feita até o preenchimento das vagas. Por isso, é recomendado que os candidatos compareçam às unidades do CST o quanto antes.

De acordo com o Centro de Solidariedade ao Trabalhador, as vagas da área administrativa são preenchidas mais rapidamente que as demais devido à grande procura.

Centro O Centro oferece 2.490 oportunidades, sendo que os cargos com maior número de vagas são para atendente de telemarketing (1.705) manobrista (29) e analista de suporte técnico (28).
Há também 16 vagas para operador de caixa (entre R$ 707 e R$ 850), 10 para recepcionista (R$ 622), 7 para oficial de serviços gerais (entre R$ 660 e R$ 884), 1 para auxiliar de escrituração fiscal (R$ 1mil),  1 para desenhista projetista de máquinas (R$ 2 mil) e 1 para estilista de moda (a combinar).
Zona Oeste Na Zona Oeste são 1.165 vagas, sendo que os cargos com maior número de vagas são de operador de telemarketing (193), operador de caixa (48) e ajudante de embalador (30).

Há ainda 8 vagas para repositor de mercadorias (R$ 853), 7 para vigia (R$ 916), 2 para azulejista (R$ 1 mil), 2 para auxiliar de manutenção predial (a combinar), 1 para arquivista (R$ 1.600) e 1 para assistente de faturamento (R$ 1.200).
Zona Sul Na Zona Sul são 755 oportunidades, sendo que os cargos com maior número de vagas são para manobrista (200), auxiliar de limpeza (102) e atendente (93).

Há ainda 45 vagas para cozinheiro (R$ 808 e R$ 1.500), 18 vagas para porteiro (média R$ 830), 2 para rebarbador de metal (a combinar), 2 para serralheiro (R$ 1.500), 1 para auxiliar de contas a pagar (R$ 1.100) e 1 para auxiliar de pessoal (R$ 950).
Zona Leste Na Zona Leste são 743 vagas, sendo que os cargos com maior número de vagas são de conferente de mercadorias (475), atendente de lanchonete (27) e recepcionista (24).

Há também 4 vagas para encanador (R$ 1.500), 3 para motorista de caminhão (entre R$ 1.300), 2 para frentista (R$ 1.019), 1 para auxiliar de escrituração fiscal (R$ 1.098), 1 para auxiliar de administração (R$ 750) e 1 para eletricista de instalações de veículos automotores (R$ 1.500).
Zona Norte Na Zona Norte são 619 vagas, sendo que os cargos com maior número de vagas são de conferente de mercadorias (488), atendente (24) e operador de injetora de plástico (15).
Há ainda 8 vagas para técnico eletrônico (a combinar), 1 para oficial de serviços gerais (R$ 957), 1 para manobrista (R$ 890), 1 para gerente de restaurante (R$ 2 mil), 1 para recepcionista (a combinar) e 1 para pintor de obras (R$ 1.255).
Para ler mais notícias de Concursos e Emprego, clique em g1.globo.com/concursos-e-emprego. Siga também Concursos e Emprego no Twitter e por RSS.

Regiões Cargos operacionais Cargos administrativos Cargos técnicos
Centro – Atendente de telemarketing (1.705 vagas) Requisitos: ensino fundamental incompleto e médio completo ou incompleto (para 312 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: média de R$ 630
– Manobrista (29 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental completo e incompleto (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 816 e R$ 1.163
– Vendedor (15 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo e médio completo ou incompleto (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 820 e R$ 938
– Auxiliar de escritório (5 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo e superior incompleto (para 1 vaga não é necessário ter experiência) Salário: entre R$ 835 e R$ 885
– Assistente administrativo (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário:
a combinar
– Auxiliar de contabilidade (1 vaga)

Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1 mil
– Analista de suporte técnico (28 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 898
– Desenhista industrial gráfico (3 vagas) Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.500
– Fotógrafo (3 vagas) Requisitos: ensino superior completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.200
Zona Oeste – Operador de telemarketing (193 vagas)
Requisitos: ensino médio completo e incompleto (para 191 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 622 e R$ 800
– Operador de caixa (48 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental incompleto e médio completo (para 41 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 755 e R$ 900
– Ajudante de embalador (30 vagas)
Requisitos:
ensino médio incompleto (não é necessário ter experiência)
Salário: R$ 785
– Auxiliar de almoxarifado (8 vagas)
Requisitos: ensino médio incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 750
– Auxiliar de administração (3 vagas)
Requisitos:
ensino médio incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.600
– Digitador (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.141
– Copeiro (20 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 800 e R$ 930
– Armador de ferros (4 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.273
– Eletricista de manutenção (4 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário:
R$ 1.061
Zona Sul – Manobrista (200 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (para 80 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 910 e R$ 1.100
– Auxiliar de limpeza (102 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental completo ou incompleto e médio completo ou incompleto (para 59 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 653 a R$ 1 mil
– Atendente (93 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo ou incompleto e médio completo ou incompleto (para 64 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 750 e R$ 1.024
– Auxiliar de escritório (3 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 1 mil e R$ 1. 151
– Auxiliar administrativo (3 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 858
– Recepcionista (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1 mil
– Auxiliar de enfermagem(5 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (para 3 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 900 e R$ 1 mil
– Mecânico de manutenção de caminhão a diesel (5 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.400
– Soldador (2 vagas)

Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.300
Zona Leste – Atendente de lanchonete (27 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo e incompleto ou médio incompleto (para 25 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 622 e R$ 750
– Vendedor (18 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 720 e R$ 1.019
– Auxiliar de cozinha (13 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental completo e incompleto ou médio incompleto (para 9 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: a combinar
Conferente de mercadorias (475 vagas)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (não é necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Recepcionista (24 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Auxiliar contábil (1 vaga)
Requisitos:
ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 950
– Auxiliar de montagem de transformadores (4 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 982
– Cabeleireiro (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1 mil
– Cortador de calçados (1 vaga)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 900
Zona Norte – Atendente (24 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo ou médio completo (para 17 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 622 e R$ 853
– Auxiliar de limpeza (13 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo e incompleto (para 10 vagas não é necessário ter experiência) Salário: a combinar
– Fiscal de loja (5 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: média de R$ 864
– Conferente de mercadorias (488 vagas)
Requisitos
: ensino fundamental incompleto (não é necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Auxiliar de cobrança (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 864
– Arquivista (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Operador de injetora de plástico (15 vagas) Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência) Salário: R$ 814
– Mecânico de manutenção de bolsas (1 vaga)
Requisitos:
ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.006
– Carpinteiro (1 vaga)
Requisitos:
ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.500

Como se candidatar Os interessados nas vagas do Centro de Solidariedade ao Trabalhador devem comparecer aos endereços abaixo com carteira profissional, RG, CPF, certificado de escolaridade e currículo.

Centro de Solidariedade ao Trabalhador de São Paulo
Região central
Rua Galvão Bueno, 782 – Liberdade
Zona Sul
Rua Barão do Rio Branco, 864 – Santo Amaro
Estrada de Itapecerica, 3.770
Zona Norte
Avenida Cabo Adão Pereira, 387 – Pirituba
O horário de atendimento é das 7h às 16h, de segunda a sexta-feira

Apple apresenta iPhone 5, com tela maior e conectividade 4G

YURI GONZAGA COLABORAÇÃO PARA A FOLHA RAFAEL CAPANEMA ENVIADO ESPECIAL A SAN FRANCISCO

 

Atualizado às 14h29.

A Apple anunciou nesta quarta (12) a nova geração do seu smartphone, o iPhone 5. As principais novidades são a tela de quatro polegadas (ante 3,5 polegadas das versões anteriores), o design mais esguio e conectividade 4G do tipo LTE.

Evento da Apple

Ver em tamanho maior »

Eric Risberg/Associated Press

Anterior Próxima

Phil Schiller, fala sobre a qualidade da câmera do novo iPhone 5 e do iSight

Ainda não foram divulgadas informações sobre o lançamento do dispositivo.

O iPhone ganhou um centímetro de altura (que passou a ser de 12,5 cm) e emagreceu 0,17 cm –sua espessura do novo aparelho é de 0,76 cm (redução de 18%). O Galaxy S 3, da Samsung, tem 13,7 cm de altura e 0,86 cm de espessura.

Seu peso diminuiu 28 gramas, para 112 g (redução de 20%), ante 133 g do Galaxy S 3.

O aparelho, feito em alumínio e vidro, será vendido nas cores preta e branca.

TELA

As quatro polegadas de tela do iPhone 5 são preenchidas por uma resolução de 1.136 x 640 pixels –a tela do iPhone 4S tem resolução de 960 x 640 pixels, enquanto a do Galaxy S 3, de 4,8 polegadas, tem 1.280 x 720 pixels.

A proporção 16:9 da nova tela, conhecida como “widescreen”, permite a adição de uma quinta fileira de aplicativos nas telas do sistema.

A nova tela mantém a densidade de 326 pixels por polegada, característica da linha Retina de painéis LCD da Apple.

Segundo a empresa, há 44% mais saturação de cores, o que permite imagens mais vivas. “É a tela mais precisa da indústria”, disse Phil Schiller durante o anúncio do aparelho, que aconteceu no centro Yerba Buena, em San Francisco.

NOVO SISTEMA, NOVO MOTOR

O iPhone 5 será vendido com o novo sistema operacional da Apple, o iOS6. Entre suas novidades estão a substituição dos mapas –anteriormente fornecidos pelo Google.

Os mapas da Apple terão a capacidade de encontrar pontos de interesse. A empresa alega ter catalogados 100 milhões de estabelecimentos e locais públicos de alguma serventia.

Também haverá integração com o Facebook (o iOS 5 é integrado com o Twitter, somente), para postagem de fotos, notas, eventos e links diretamente dos aplicativos nativos e terceirizados.

Seu processador, um Apple A6, será duas vezes mais rápido que o do iPhone 4S e 22% menor. Por conta de seu poder de processamento gráfico, segundo a empresa, os games terão qualidade semelhante à dos consoles de videogame atuais.

A Apple diz que as tarefas mais comuns serão realizadas no iPhone 5 em metade do tempo que levava o iPhone 4S.

Para suportar a nova tela e gráficos mais possantes, a bateria do novo telefone terá maior duração: oito horas de conversação e até 225 horas em modo de espera (“standby”).

SIRI

A assistente virtual do iOS, chamada Siri, “aprendeu” sobre

CONECTOR

O conector do iPhone 5 é 80% menor. Denominado Lightning (em referência ao Thunderbolt, usado em computadores Mac), substitui o conector dock que fora apresentado em 2003, com o advento dos iPods.

Uma vantagem do Lightning é poder ser inserido no smartphone com qualquer um dos lados, assim como acontecia com o conector de energia dos MacBook (chamado MagSafe).

A Apple venderá um adaptador para que cabos e docks antigos possam ser usados com o novo telefone.

CÂMERA

As especificações da câmera do iPhone 5 são iguais à do iPhone 4S: 8 Mpixels e abertura F/2.4.

Contudo, segundo a empresa, foi necessário um profundo redesenho do dispositivo, em especial por conta do afinamento do celular como um todo.

“O oceano parece mais azul, as crianças parecem mais felizes. O mundo parece mais belo”, disse Schiller em tom de brincadeira.

O smartphone terá a capacidade de fazer imagens panorâmicas de até 28 Mpixels, além de reconhecer rostos e a capacidade de tirar instantâneos ao longo de uma gravação de vídeo (que será 1.080p).

A câmera frontal fará vídeos em 720p. Por meio dela, será possível fazer videochamadas (usando o FaceTime) usando a conexão celular (redes 3G ou 4G).

CONECTIVIDADE

Além da aguardada capacidade de se conectar a redes 4G do tipo LTE, o novo iPhone suportará duas bandas de Wi-Fi (faixas de frequência 2,4 GHz e 5 GHz) –assim como o recém-anunciado Nokia 930.

O jornalista Rafael Capanema viajou a convite da Apple

 

Há 54 dias sem chuva, São Paulo tem a maior estiagem desde 1994

A cidade de São Paulo está há 54 dias sem ver chuva. É a maior sequência de dias secos desde 1994, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) e a quinta maior desde o início da contagem, em 1961. O recorde foi em 1985, quando os paulistanos ficaram 78 dias na secura. A previsão aponta chuva só na semana que vem.

Consulte o tempo em sua cidade

As consequências dos dias secos, os paulistanos sentem na pele. A cidade tem tido registros sucessivos de baixa umidade do ar, o que gera irritação no nariz e na garganta e agrava problemas respiratórios. Ontem, a capital ficou em estado de atenção, com umidade do ar em 22%.

Tempo seco em São Paulo

Ver em tamanho maior »

Marlene Bergamo/Folhapress

Anterior Próxima

Camada de poluição cobre a região central de São Paulo na tarde desta segunda-feira (10)

Em dias secos, as recomendações são beber água, umidificar os ambientes e evitar exercícios ao ar livre nos horários mais quentes (veja quadro ao lado). Além de uma das maiores sequências de dias sem chuva, São Paulo teve um agosto atípico. Durante o mês, a cidade teve 0,3 mm de chuva. Bem abaixo da média para o período, de 39 mm.

Foi o segundo agosto mais seco desde 1943, quando teve início a contagem do Inmet. Perde apenas para 2007, quando não houve chuva alguma.

Com a baixa umidade, a Secretaria do Meio Ambiente proibiu a queima da palha da cana-de-açúcar em 75% dos municípios paulistas.

Editoria de arte/Folhapress

PREVISÃO

Segundo o Inmet, a previsão é de que chova na semana que vem, com a chegada de uma frente fria.

Até lá, a boa notícia é que o incômodo do tempo seco deverá diminuir, pois haverá aumento da nebulosidade.

A previsão para hoje já aponta chuviscos isolados no leste do Estado, inclusive na capital. “Eles já ajudam a melhorar o ar, pois a sujeira e a poluição são deslocados”, afirma o meteorologista do Inmet Marcelo Schneider.

O inverno deve continuar quente. Ontem, São Paulo marcou 32°C. Em Ribeirão Preto, o calor chegou a 40°C e a umidade bateu os 15%.

Para hoje, a máxima prevista em São Paulo é de 27°C e no fim de semana o paulistano deve enfrentar forte calor.

Segundo Tatiane Martins, da Somar Meteorologia, até o fim do inverno, há grandes chances de as temperaturas superarem o calor do último domingo, que chegou a 33,3°C –a maior temperatura desta estação na capital.