Arquivos Mensais: julho \28\UTC 2012

Alckmin inaugura serviço de ginecologia para mulheres com deficiência

Os atendimentos terão assistência de uma equipe multidisciplinar composta por médicos ginecologistas, enfermeiros, psicoterapeutas e psicólogos.

Projeto “Sábado sem Barreiras” vai oferecer exames ginecológicos a pacientes com mobilidade física e intelectual reduzida.

O governador Geraldo Alckmin abriu neste sábado, 28, um serviço ambulatorial especializado na assistência em saúde de mulheres com deficiência. Localizado no hospital estadual Pérola Byington, o projeto “Sábado sem Fronteiras” oferece assistência em saúde ginecológica para mulheres com mobilidade física ou intelectual reduzida.

“Hoje começa no Estado de São Paulo um serviço de saúde inovador para mulheres com deficiência. Este programa é feito aos sábados, com isso, utilizamos os serviços de saúde ociosos, o que facilita para as famílias, porque o trânsito é melhor aos sábados”, afirmou Alckmin. O governador ainda frisou que a intenção também é levar essa proposta pioneira para outros serviços de saúde do Estado.
Os atendimentos, que inicialmente serão realizados no último sábado de cada mês, das 8h às 12h, ocorrerão em um ambulatório localizado no 2º andar do hospital e contará com assistência de uma equipe multidisciplinar composta por médicos ginecologistas, enfermeiros, psicoterapeutas e psicólogos. O projeto recebeu investimento de R$ 20 mil para a compra de equipamentos e adequação do espaço físico.
Outro diferencial do projeto se deve ao fato de ser considerado “sem tempo de espera”, já que, durante o período que antecede a consulta, as pacientes poderão participar de grupos de discussões com psicólogos e psicoterapeutas sobre sexualidade e outros temas do cotidiano da pessoa com deficiência. Serão realizados dois grupos de discussões por sábado, com início às 8h e às 10h.

Agendamento prévio
Para passar pelo atendimento médico, a paciente com deficiência, seja física ou intelectual, deve  fazer agendamento prévio por telefone sempre na segunda semana do mês,  às segundas, terças ou quintas-feiras, entre 10h e 12h, pelo telefone  (11) 3248-8123. Serão atendidas, em média, 1.000 mulheres por ano.

Os resultados dos exames por imagem, como ultrasonografia, serão  entregues no mesmo dia da consulta. Já os resultados de outros exames mais complexos e que  eventualmente não fiquem prontos na hora, poderão ser consultados via internet, serviço considerado inédito e  exclusivo para estas pacientes.

Do Portal do Governo do Estado

Assuntos

Orgãos relacionados

Governador Geraldo Alckmin autorizou CPTM a contratar projeto funcional para o sistema de trens Alphaville-Tamboré

Alphaville em Barueri Região Oeste Metropolitana da Grande São Paulo – Foto com direitos autorais de Junior Holanda Clicada em 27.07.2012 às 09:00Hrs.

Dois novos trens reforçam frota da Linha 8-Diamante da CPTM

Governador Geraldo Alckmin também autorizou a CPTM a contratar projeto funcional para o sistema de trens Alphaville-Tamboré

A Linha 8-Diamante (Júlio Prestes-Itapevi), da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) ganhou o reforço de dois novos trens nesta quinta-feira, 26. O maior diferencial em relação aos trens recém-adquiridos é o salão contínuo de passageiros (passagem livre entre os carros).

LEIA TAMBÉM: Governador entrega trens e anuncia R$ 555 milhões para a CPTM Presidente Altino terá pátio de manutenção de trens

No ato de entrega, o governador Geraldo Alckmin também autorizou a CPTM a contratar projeto funcional para o sistema de trens Alphaville-Tamboré e anunciou que 31 novos trens serão entregues até o primeiro semestre de 2013. No dia 20 de abril, o governador entregou cinco trens para a Linha 8-Diamante da CPTM.

Fabricados pela CAF, na unidade em Hortolândia/SP, os trens contam com oito carros cada e são equipados com tecnologia de ponta, ar-condicionado, sistemas de informação audiovisual (monitores de vídeo e displays) e de sinalização de abertura e fechamento de portas. Desde 2006, já foram adquiridos 105 trens. Com a entrega desses dois trens, o número de novas composições em operação chega a 74.

Do Portal do Governo do Estado

Assuntos

Orgãos relacionados

Prefeitura de Barueri dará assistência a famílias retiradas de área em Jandira

Prefeito conversa com os sem-teto . Foto e Texto Site da Prefeitura Municipal de Barueri.

Prefeitura de Barueri dará assistência às 52 famílias que foram retiradas de uma área no município de Jandira. Apesar de as famílias terem invadido um terreno particular na cidade vizinha, o prefeito de Barueri, Rubens Furlan, atendeu aos sem-teto na tarde desta quarta-feira, 25, em frente ao Paço Municipal, e se comprometeu a ajudá-las com os programas sociais mantidos pela Prefeitura.

“Em meu governo, ninguém irá explorar a pobreza de vocês. Quando vocês estiverem, cada um de vocês, em suas próprias casas em Barueri, não agradeçam ao Furlan, agradeçam a Deus, porque foi ele quem me mandou aqui para falar com vocês”, afirmou Furlan aos sem-teto que ocupavam a área em frente à Prefeitura. “Em Barueri, vocês terão a dignidade e as oportunidades que merecem”, completou.

As famílias foram encaminhadas à escola Elvira Lefèvre Salles Nemer, em frente à Secretaria de Ações Sociais e Cidadania, no Jardim São Pedro, onde terão abrigo provisório, com alimentação e assistência. A Secretaria de Ações Sociais e Cidadania fará o cadastro de cada uma das famílias, para que elas passem a ter acesso aos programas sociais da Prefeitura de Barueri, incluindo o Programa Habitacional (Prohab).

Da escola, cada família sairá para uma casa alugada pela Prefeitura de Barueri, durante um ano, até que o governo municipal resolva a situação de moradia.

São 52 famílias, de acordo com o registro cadastrado de barracos na área invadida em Jandira.

O caso

Na terça-feira, 24, a Polícia Militar cumpriu mandado de reintegração de posse de um terreno entre Barueri e Jandira – a área invadida pertence ao município de Jandira.

Em atenção a uma requisição judicial do juiz da 3ª Vara Civil de Barueri, as Prefeituras de Barueri e Jandira atenderam a todas as exigências solicitadas: apoio da equipe de saúde, com ambulância; apoio da equipe de zoonoses e eventual acolhimento das pessoas.

No que se refere ao acolhimento, Barueri ofereceu abrigo municipal com todo apoio social necessário por tempo indeterminado; Jandira ofereceu ginásio de esportes.

Três famílias aceitaram ajuda de Barueri e foram encaminhadas ao abrigo municipal; uma família concordou com o acolhimento na cidade de Jandira.

Algumas das famílias procuram abrigo em casa de parentes. Outras pessoas, por algum motivo, recusaram o apoio das duas cidades. Elas marcharam de Jandira a Barueri, e se fixaram em frente à prefeitura barueriense no mesmo dia da reintegração de posse, reivindicando uma solução ao prefeito Rubens Furlan, que atendeu a todos na mais perfeita ordem, sem qualquer registro de tumulto, e as famílias comemoraram a conquista em Barueri.

Fonte: http://www.barueri.sp.gov.br/?pg=informativoLista&ID=15958

Microsoft mostra novo Office em tablet da Samsung com Windows 8

Microsoft mostra novo Office em tablet da Samsung com Windows 8

Empresas têm interesse de lançar tablets com o sistema operacional. Versão de testes do novo Office ficará disponível nesta segunda (16).

A Microsoft apresenta, nesta segunda-feira (16), a nova geração do seu pacote Office, o conjunto de programas de produtividade da companhia que inclui o processador de textos Word, o software de planilhas Excel e o programa de apresentações PowerPoint. “É o lançamento mais ambicioso do Office que já fizemos”, disse Steve Ballmer, CEO da empresa.

A partir de agora, o pacote Office será mais integrado à nuvem, permitindo a edição de documentos em vários dispositivos, e mais adaptado aos dispositivos com telas sensíveis ao toque ou a canetas digitais.

“Nós transformamos o Office para abraçar os princípios de design do Windows 8″, disse Ballmer. Isso faz com que um dos grandes destaques do novo Office seja seu design, alinhado ao sistema de blocos que a Microsoft adotou para o Windows 8. A interface ficou conhecida como “metro”. “A nossa nova onda de produtos foi criada para o seu escritório moderno”, afirmou o executivo.

Ballmer apresentou uma versão prévia do novo pacote, que já está disponível para download –ele não é compatível com o Windows Vista ou Windows XP. O software final, cuja compatibilidade ainda não foi revelada, ainda não tem data oficial de lançamento.

“A nova geração do Office marca o momento em que ele se transforma em um serviço”, disse Ballmer. Segundo ele, o novo Office se adapta ao jeito com que as pessoas trabalham atualmente. “As pessoas trabalham de formas mais sociais e colaborativas. O Office usa, por exemplo, a nuvem para lembrar o que você estava fazendo ou suas preferências. O novo Office usa o lado social.”

Chegada do evento da Microsoft sobre o novo pacote Office (Foto: Laura Brentano/G1)
Chegada do evento da Microsoft sobre o novo pacote Office (Foto: Laura Brentano/G1)

Ballmer exemplifica esse novo modelo de trabalho com “cenários” que se tornaram mais importantes que nunca. “Nas reuniões, agora as pessoas podem ter Skype numa sala de teleconferência. O novo Office segue esse caminho”, disse. “Apesar disso, ainda há muitas anotações off-line.”

Essa mobilidade do “escritório moderno” de Ballmer é evidenciada no fato de que agora o Office tem um “modo de leitura” em tela cheia que se adapta a cada modelo e tela de tablet. Além disso, haverá uma integração multimídia nesses tipos de documento, permitindo fazer a adição de vídeos e fotos guardados na nuvem.

Os programas também serão integrados com a nuvem, por meio do SkyDrive –como padrão, todos os documentos criados no Office serão salvos na nuvem, permitindo comentar arquivos de amigos e receber revisões.

O lançamento é mais uma iniciativa da Microsoft para competir com os concorrentes do Office: o Google Docs, que funciona completamente on-line, e o iWork, da Apple, que já tem versões para o iPad.

Social O novo Office tem integradas uma série de funções que querem tornar a edição de documentos mais social. Foi criada, por exemplo, a nova função Salvar e Compartilhar, que permite postar o que foi criado no Facebook ou em um blog, por exemplo.

Um grande destaque dessa integração é a inserção do Skype diretamente nos programas. Agora, é possível acessar o serviço de ligações e videoconferências pela internet, comprado pela Microsoft, diretamente dos programas.

Executivo apresenta novo PowerPoint (Foto: Reprodução)
Executivo apresenta novo PowerPoint (Foto: Reprodução)

PowerPoint Kirk Koenigsbauer, vice-presidente da divisão de Office da Microsoft, subiu ao palco para falar sobre os novos programas, um a um. Ele começou com a demonstração do novo Power Point –apesar de a companhia ter anunciado um tablet próprio, um aparelho da Samsung foi escolhido para a ocasião.

Koenigsbauer mostrou o que a navegação comandada pelo toque adiciona ao programa. Agora, o usuário pode navegar pelos slides e ajustar tamanhos através da tela sensível. “Você tem todos os comandos na ponta dos dedos”, explicou o executivo.

Um novo efeito especial do programa faz a passagem entre os slides como se fosse um pedaço de papel virando.

Outlook O programa de e-mails da Microsoft também ganhou nova versão e ficou parecido com o Gmail, serviço on-line de mensagens do Google. O design ficou mais focado na leitura de mensagens, o que acabou tirando elementos como o Calendário da tela inicial. “Os ícones ficam na lateral esquerda e você pode acessá-los rapidamente”, contou Koenigsbauer.

O software agora também fará armazenamento das mensagens na nuvem, por meio do SkyDrive.

Word Koenigsbauer afirmou que a Microsoft quer que, além de escrever, o novo Word seja um lugar de “primeira classe” para a leitura dos usuários. Além disso, a nova versão do programa permitirá a adição de vídeos aos documentos.

Steve Ballmer, CEO da Microsoft, faz anúncio do novo Office (Foto: Laura Brentano/G1)
Steve Ballmer, CEO da Microsoft, faz anúncio do novo Office (Foto: Laura Brentano/G1)

Microsoft Office A última versão do pacote Office havia sido lançada pela Microsoft em abril de 2010, em um evento em Nova York. O Office 2010, lançado na ocasião, teve como grande destaque a integração com a “nuvem”, que permitia a edição on-line dos documentos.

Ainda em 2010, a Microsoft lançou o Office 365, uma versão totalmente on-line do pacote, de olho no mercado de pequenas e médias empresas. Concorrente do Google Docs e do iWork (da Apple), o Office ainda representa parte considerável da receita da Microsoft. O jornal “USA Today” divulgou na última semana que os softwares foram responsáveis por US$ 22,2 bilhões da receita total de US$ 70 bilhões que a companhia registrou no ano fiscal de 2011.

Segundo Steve Ballmer, o Office é uma ferramenta de produtividade usada em peso pelos estudantes –ele afirmou que um terço do público que usa o produto é formada pela categoria.

Serra e Russomanno lideram disputa pela Prefeitura de SP

Em Barueri Mais de 700 alunos se formam do programa “Gera Renda”

Cerimônia de formatura dos alunos dos cursos de geração de renda de Barueri . Foto e Matéria da Secretaria de Comunicação Social de Barueri.

O prefeito de Barueri, Rubens Furlan, abriu a formatura dos 733 alunos que fizeram os cursos do programa Gera Renda, coordenado pelo Fundo Social de Solidariedade de Barueri e pela Secretaria de Ações Sociais e Cidadania.

 

Foram 15 cursos oferecidos nos cinco Centros Comunitários, Núcleos de Moda, Espaço Mulher e na cozinha experimental da Secretaria, de: biscuit, decupagem, produto artesanal de higiene pessoal e doméstico, bijuteria, chinelo decorado, jardinagem, flor de meia de seda, decupagem e pedraria, decupagem em tecido, patchwoek, pat aplique, informática e ainda cursos de chocolateria e salgaderia do Núcleo de Panificação e Serviços. Todos os cursos foram realizados de março a junho de 2012.

Com o auditório do Centro de Aperfeiçoamento de Professores lotado na tarde do dia 5 de julho, as autoridades presentes, presidente do Fundo Social, Sônia Furlan, secretária de Ações Sociais e Cidadania, Adriana Bueno Molina, a deputada federal Bruna Furlan, o secretário de Projetos e Construções Roberto Piteri, e o secretário de Comunicação, Antonio Júlio Baltazar, participaram da cerimônia de formatura.

O primeiro a falar foi o prefeito Rubens Furlan, que ressaltou aos formandos a importância de “agarrar” as oportunidades que se tem na vida. “As oportunidades certas podem fazer toda a diferença na sua vida. É preciso saber aproveitar.”

Em seguida os formandos assistiram a duas apresentações musicais dos alunos do Programa Bairro-Escola, das trilhas de canto e coral. Sete crianças e adolescentes interpretaram músicas de Milton Nascimento e de Toquinho em parceria com a Associação Cultural  Promoart.

A deputada federal Bruna Furlan falou em seguida e agradeceu a todos que participaram de tantos cursos diferentes. “Sempre vou incentivar as pessoas a aprender, em vários níveis da educação, com cursos profissionalizantes e cursinho pré-vestibular e também na faculdade. Minha missão é a de ajudar sempre a população nas suas necessidades.”

Depoimentos

A aluna Meire Silva Araújo, de 36 anos, mãe de Thiago, deficiente, e ainda mais dois filhos, deu um depoimento emocionante. “Fiz curso de decupagem e aprendi a fazer muitas caixas, minha mãe foi vendendo e meu filho me incentivava muito, mesmo com tantas limitações ele foi o que mais me incentivou a continuar fazendo as coisas. Ajudou muito a minha vida. Agradeço a Barueri por tudo que essa cidade já fez por mim”, falou.

Elaine Regina de Barros, 25 anos, fez o curso de bijuteria no Espaço Mulher. “Estou desempregada e comecei revendendo bijuterias compradas prontas e em duas semanas de curso comecei a fazer eu mesma algumas peças e a vendê-las. Quero agradecer a todos que me ajudaram. Eu consegui! Achei que não tinha dom e hoje tenho até a minha própria renda.”

Valmir Crepaldi fez o curso de salgaderia no Núcleo de Panificação e Serviços do Centro Comunitário do Jardim Paraíso. “Já tenho uma padaria e esse curso serviu de incentivo para melhorar meus conhecimentos e aumentar a renda do meu estabelecimento comercial. Só em Barueri para ter um curso deste gratuito, sério e com tantas informações”, disse o formando.

Aparecida Fernandes dos Santos, também do curso de salgadeira, falou: “Sou mais confiante naquilo que faço, tenho mais clientes, tanto para os doces como para os salgados. Falo para todo mundo, quem tem vontade faça o curso, porque precisamos de estímulo para viver bem. Obrigada a todos!”.

Cristina Araújo Ferri, formanda do curso de flor de meia de seda, comentou que veio do Estado do Espírito Santo e que não conhecia ninguém em Barueri, entrou no curso de salgado e doces, depois fez de chocolateira e depois o de flores. “Hoje eu vendo muito bem meus produtos e estou até ajudando meu marido em casa.”

A professora Evelyn Lopes da Silva, responsável pela coordenação do Programa Núcleo de Panificação e Serviços, comentou que já foi aluna também desses cursos da Prefeitura e sabe que quem busca renda, tem vontade de aprender, de fazer algo que gosta, vai dar certo nos cursos. “O grande desafio foi o de unir os cursos ligados ao artesanato com os de gastronomia, para ampliarmos os produtos para serem vendidos e gerar mais renda aos alunos. Foram até o momento 48 horas de cursos com qualidade, totalizando até o final de 2012, 96 horas, fazendo o que as pessoas procuravam e que o mercado de trabalho precisa. Agora desejo boa sorte a todos!”

A secretária de Ações Sociais, Adriana Molina, falou aos presentes da importância de oferecer os cursos e tantas outras oportunidades na vida. “Aproveitem! Não podemos deixar de lado tantas coisas boas acontecendo.”

Para a voluntária do Fundo Social de Solidariedade de Barueri, a empresária e educadora Vera Zicardi, é muito bonito ver tantas conquistas sendo feita por homens e mulheres da cidade. “Vi aqui, que além de aprenderem coisas novas e gerarem renda, vi também amizade e carinho entre as turmas, a colaboração umas pessoas com as outras. Parabéns e que Deus abençoe este trabalho lindo!”

Para encerrar a cerimônia, a presidente Sônia Furlan falou que os cursos do “Gera Renda” trouxeram resultados positivos para a população. “Nosso desejo era que todos estivessem autonomia financeira. O Fundo se empenhou em oferecer meios para a população mais carente aumentar sua renda familiar ou até mesmo fugir do desemprego. Sem trabalho, nos sentimos desprotegidas. Atendemos os segmentos, idosos, deficientes, mulheres e a família nos Centros Comunitários. Também ajudamos muitas crianças e adolescentes no programa Bairro-Escola que atua no período do contraturno escolar fazendo atividades que ajudam na formação do cidadão. Mas fizemos tudo isso, porque tivemos ajuda de pessoas boas, os secretários municipais, funcionários públicos, empresários e tantos outros apoiadores.”

Sônia também lembrou dos esforços de Barueri em prol do Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer (Graacc) e da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD). “Hoje estamos colhendo resultados positivos desse nosso ‘investimento’, o de ajudar mais e melhor. Vivemos numa cidade solidária e a maioria dos nossos cidadãos aprendeu a dividir e a repartir. Vivemos com mais tranqüilidade e segurança. Obrigada pelo carinho e respeito recebido durante todos esses 35 anos de luta por Barueri”, afirmou Sônia Furlan.

Em seguida, foram entregues os certificados para cada representante dos 15 cursos e depois foi servido um café aos presentes, preparado pelos próprios alunos do curso do Núcleo de Panificação e Serviços. As professoras dos cursos fizeram ainda uma exposição dos principais produtos confeccionados pelos alunos.

Receita Federal abre prazo para 950 vagas, com salário de até R$ 13,6 mil

 

Seleção é para os cargos de analista-tributário e auditor-fiscal. Especialistas dão dicas do que levar em conta ao escolher o cargo.

Marta CavalliniDo G1, em São Paulo

A Receita Federal abre nesta segunda-feira (16) as inscrições dos concursos públicos para 950 vagas de analista-tributário e auditor-fiscal. Os salários são de, respectivamente, R$ 7.996,07 e R$ 13.600. São 750 vagas para analista-tributário, sendo 700 vagas na área geral e 50 na área de informática. Para participar da seleção, os candidatos devem ter nível superior em qualquer área. Do total, 712 são para ampla concorrência e 38 para deficientes. Já para auditor-fiscal são 200 vagas – 10 reservadas para deficientes. Os candidatos também devem ter nível superior em qualquer área.

Receita Federal
Inscrições
De 16 a 29 de julho
Vagas
950
Salário
R$ 7.996,07 e R$ 13.600
Taxa
R$ 100 e R$ 130
Prova
15 e 16 de setembro

De acordo com o edital, os aprovados no concurso atuarão  nas unidades centrais da Receita Federal, em Brasília ou nas unidades descentralizadas. Os locais de atuação serão conhecidos após a aprovação no concurso. Após tomarem conhecimento da distribuição das vagas, os aprovados poderão manifestar, no prazo fixado pela organizadora do concurso, a Esaf, as opções para preenchimento, que observará, rigorosamente, a ordem de classificação na primeira etapa do concurso.
Os candidatos nomeados e empossados não terão sua lotação alterada por um período mínimo de 3 anos, salvo por concurso de remoção ou por interesse da administração.

Os concursos têm validade de 6 meses e podem ser prorrogados pelo mesmo período.

Analista-tributário As inscrições devem ser feitas entre os dias 16 e 29 de julho pelo site www.esaf.fazenda.gov.br. A taxa é de R$ 100.
Os candidatos que não têm acesso à internet podem efetivar suas inscrições nos postos descritos no anexo II do edital de abertura do concurso.
A primeira etapa da seleção é composta por prova objetiva de conhecimentos gerais, prova objetiva de conhecimentos específicos e prova dissertativa. A segunda etapa engloba a sindicância da vida pregressa.
A prova de conhecimentos gerais cobrará as disciplinas de língua portuguesa, espanhol ou inglês, raciocínio lógico-quantitativa, direito constitucional e administrativo e administração geral. A prova de conhecimentos específicos geral terá questões de direito tributário, contabilidade geral e legislação tributária e aduaneira. Já a prova de conhecimentos específicos na área de informática terá perguntas de direito tributário, contabilidade geral e informática.

Receita Federal (Foto: Divulgação)
Receita Federal (Foto: Divulgação)

Farão a prova dissertativa 2.250 candidatos aprovados nas provas objetivas – 2.100 da área geral e 150 da área de informática.
As provas objetivas estão previstas para o dia 16 de setembro nas 26 capitais dos estados e em Brasília. A data da prova dissertativa será divulgada posteriormente.
Auditor-fiscal As inscrições podem ser feitas entre os dias 16 e 29 de julho pelo site www.esaf.fazenda.gov.br. A taxa é de R$ 130.
A primeira etapa é composta por prova objetiva de conhecimentos gerais, prova objetiva de conhecimentos específicos I, prova objetiva de conhecimentos específicos II e prova dissertativa. A segunda etapa é composta de sindicância da vida pregressa.
A prova de conhecimentos gerais terá questões das disciplinas de língua portuguesa, espanhol ou inglês, raciocínio lógico-quantitativo, direito civil, penal e comercial e administração geral e pública. A prova de conhecimentos específicos I cobrará as disciplinas de direito constitucional, direito administrativo, direito tributário e auditoria. A prova de conhecimentos específicos II terá perguntas de contabilidade geral e avançada, legislação tributária, comércio internacional e legislação aduaneira.
Farão a prova dissertativa 600 candidatos aprovados nas provas objetivas.
As provas objetivas estão previstas para os dias 15 e 16 de setembro nas 26 capitais dos estados e em Brasília. A data da prova dissertativa será divulgada posteriormente.
Que cargo escolher De acordo com Gladson Miranda, coordenador de estratégia de estudos aos alunos da Vestconcursos, ao escolher entre o cargo de analista ou auditor, o que geralmente pesa para o candidato é o salário, que, em contrapartida, exige um conhecimento de um maior número de matérias, o que faz com que a concorrência para auditor seja menor do que para analista. “O candidato deve pesar não a concorrência, mas o salário e também a exigência de conhecimento para conseguir a vaga”, diz.

Alexandre Meirelles, agente fiscal de rendas há 17 anos após 5 aprovações em concursos professor da Rede LFG, sugere que o cargo de auditor seja o objetivo de quem está se preparando há mais tempo. “Com somente 200 vagas será certamente o concurso mais concorrido da história desse cargo. O analista é menos concorrido, mas também muito difícil. Como os editais são bem parecidos, o ideal é que os candidatos façam as duas provas, mas que saibam focar mais um do que o outro. De qualquer forma, quem estiver bem preparado, mesmo que não vá bem para auditor, poderá fazer o de analista logo em seguida. Mas para quem estiver com preparação mediana, sugiro mirar no de analista e fazer a prova para auditor como experiência de prova e para sentir a banca, o que é muito importante. E quem sabe, obter uma aprovação inesperada, mas não impossível”, diz.

Paulo Estrella, diretor da Academia do Concurso, diz que o candidato deve perceber qual é a dificuldade entre as disciplinas que ele vai encontrar, ou seja, se o cargo de analista trouxer o mesmo nível de dificuldade que do cargo de auditor, vale a pena apontar para auditor e tentar garantir uma boa preparação. O professor ressalta que o salário para auditor é maior do que o de analista, o volume de conteúdo programático também é maior, então é necessária uma avaliação sobre os conhecimentos e chegar à melhor relação custo-benefício.

Leonardo Pereira, diretor do Instituto IOB, diz que a escolha deve sempre seguir o caminho da melhor qualidade de vida e do prazer. Ele aconselha procurar um amigo que já exerça a profissão para conhecer sua rotina e os prós e contras da carreira. “Muito provavelmente o aprovado não irá morar na sua cidade natal logo de cara, terá que se separar de sua família por um período de transição, bem como dos amigos. Se esse quesito pesa muito, entendo que a carreira de analista seja um pouco menos engessada. Mas se não for problema e o salário for o grande diferencial, trazendo conforto aos seus anseios, não tenha medo em encarar o cargo de auditor, que acompanha a lotação em boas cidades”, diz.
Últimos concursos Os últimos concursos para analista e auditor foram realizados em 2009 e organizados também pela Escola de Administração Fazendária (Esaf) – 77,9 mil disputaram 450 vagas de auditor e 81,3 mil se inscreveram para 700 vagas de analista.
Naquele ano, o G1 preparou uma série de reportagens com dicas de preparação para as provas para auditor – leia aqui.

Especialistas são unânimes em dizer que, devido ao conteúdo extenso de disciplinas e exigência de conhecimento aprofundado das matérias, a preparação para o concurso é de médio a longo prazo (mínimo de seis meses). Quem decidir se preparar agora deve avaliar os seus conhecimentos, a sua formação e o tempo disponível para estudo e estar ciente de que terá de competir com candidatos que vêm se preparando há anos.

A Receita Federal costuma chamar todos os aprovados no concurso. No concurso de 2009, foram chamados 225 aprovados a mais do que o número de vagas para auditor. No caso dos analistas, foram 25 aprovados a mais.

USP é universidade que mais forma doutores no mundo

O Estado de S. Paulo

A USP é a universidade que mais forma doutores mundialmente. A constatação é do Ranking Acadêmico de Universidades do Mundo (ARWU, na sigla em inglês), elaborado pelo Centro de Universidades de Classe Mundial (CWCU) e pelo Instituto de Educação Superior da Universidade Jiao Tong, em Xangai, na China, que aponta a universidade paulista como a primeira colocada em número de doutorados defendidos entre 682 instituições globais.

Em segundo e terceiro lugares estão a Universidade da Jordânia e a Universidade de Tóquio, respectivamente. Harvard aparece em 12º lugar.

A segunda brasileira no ranking é a Unicamp, que aparece em 38º lugar. A Unesp vem em 55º.

O ranking também indica a USP como a terceira colocada em verba anual para pesquisa, entre 637 universidades, além de a quinta em número de artigos científicos publicados, entre 1.181 instituições em todo o mundo, e a 21ª em porcentagem de professores com doutorado em um universo de 286 universidades.

Na avaliação de Vahan Agopyan, pró-reitor de Pós-Graduação da USP e membro do Conselho Superior da Fapesp, a liderança mundial na formação de doutores, apontada pelo levantamento global, deve-se à tradição da pós-graduação da USP no Brasil.

Em 1965, quando foram definidas as novas diretrizes da pós-graduação no país, baseadas no trabalho de Newton Sucupira (1920-2007) – responsável pela criação do Conselho Federal de Educação, atualmente Conselho Nacional de Educação – a USP já possuía um número muito expressivo de docentes com doutorado, e se destacou como a universidade que viria a suprir a demanda do país por mestres e doutores.

“Nas décadas de 1970 e 1980, praticamente metade dos doutorados no Brasil eram realizados na USP, e hoje mais de 20% dos pós-graduandos no país também obtém o título de doutor aqui. Isso permitiu que a universidade se tornasse um grande centro mundial de pós-graduação, agora confirmado por esse ranking internacional”, disse Agopyan à Agência Fapesp .

Nos últimos dez anos tem diminuído o número de mestrandos e de doutorandos na USP. Em 2011, pela primeira vez o número de doutorandos na universidade, que celebrou em agosto a concessão de 100 mil títulos de pós-graduação, foi maior que o de mestrandos.

“É um reflexo do aumento no número de programas de mestrado oferecidos em todo o país. Em função disso, os pós-graduandos estão preferindo realizar mestrado em sua própria região e procuram a USP para fazer doutorado ou alguma outra atividade mais especial”, avaliou Agopyan.

Por outro lado, o número de estudantes de pós-graduação da USP tem se mantido estável nos últimos anos. Atualmente, a universidade conta com cerca de 23 mil alunos de pós-graduação stricto-sensu e titulou 2.192 doutores e 3.376 mestres em 2011 – números que oscilaram pouco nos últimos 15 anos.

“Nós já somos grandes e estamos trabalhando no máximo da nossa capacidade há vários anos. Cada um dos nossos docentes tem, em média, mais de cinco orientandos, que é um número elevadíssimo”, afirmou Agopyan.

Segundo o pró-reitor, esse fenômeno também é comum às principais universidades no mundo, como as norte-americanas, europeias e chinesas listadas no ranking, cujo número de pós-graduandos também está bastante estável e seus programas de pós-graduação operam no limite de suas capacidades.

Um dos fatores atribuídos por Agopyan para a USP continuar liderando a formação de doutores é a atuação da universidade em todas as áreas do conhecimento, sendo que as universidades no exterior normalmente têm algumas áreas de especialidade. “Somos uma instituição pluridisciplinar”, destacou.

Na avaliação de Agopyan, o desafio agora é ser não apenas a maior, mas a melhor em formação de doutores no mundo. Para isso, a USP tem buscado padrões internacionais de qualidade, por meio da promoção da mobilidade de seus docentes e alunos para outros países, da avaliação e do apoio aos seus programas de pós-graduação. “Não queremos apenas quantidade, mas sim qualidade”, afirmou.

A Fapesp desembolsou R$ 277,3 milhões em 2010 com Bolsas no país, dentro de seu Programa de Bolsas. Desse total, por vínculo institucional do pesquisador responsável pelo projeto ou do bolsista, a USP recebeu R$ 132,7 milhões (ou 47,87%).  Em 2010, a Fapesp concedeu 1.362 bolsas de doutorado e doutorado direto.

Destaques das universidades paulistas. Além da USP, o ranking elaborado pela CWCU apontou a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) como a 38ª colocada em número de doutorados defendidos, a 138ª em número de artigos publicados e a 62ª em percentual de professores com doutorado.

Por sua vez, a Universidade Estadual Paulista (Unesp) obteve a 55ª posição em doutorados concedidos, a 150ª colocação em número de artigos publicados e o 31º lugar em percentual de professores com título de doutor.

Um outro ranking divulgado em janeiro, o Web of the World Universities, conhecido como Webometrics, que mede a visibilidade das universidades nos principais mecanismos de busca da internet, apontou a USP como a 20ª colocada e a primeira da América Latina, seguida na região pela Universidade Nacional Autônoma do México, a Universidade Federal do Rio Grande do Sul e a Unesp. A Unicamp obteve a 9ª colocação entre as universidades latino-americanas.

Outras universidades brasileiras que figuram entre as dez mais bem colocadas no ranking latino-americano são a Universidade Federal de Santa Catarina, a Universidade Federal do Rio de Janeiro, a Universidade de Brasília e a Universidade Federal do Paraná.

Concursos públicos com inscrições abertas somam 23,3 mil vagas

Bairro de Alphaville na cidade de Barueri Região Oeste Metropolitana da Grande São Paulo – Foto de Júnior Holanda 09.07.2012 09:56.

Cargos são de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ R$ 21.766,15 no TRT do Mato Grosso.

 Do G1, em São Paulo
 Pelo menos 92 concursos públicos em todo o país estão com inscrições abertas nesta segunda-feira (9) e reúnem 23.368 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ R$ 21.766,15 no Tribunal Regional do Trabalho da 23ª Região (Mato Grosso).
Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva, ou seja, os aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

Os órgãos que abrem inscrições nesta segunda para 528 vagas são os seguintes: Câmara Municipal de Eldorado (SP), Câmara Municipal de João Monlevade (MG), Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer, Corpo de Bombeiros da Paraíba, Empresa de Desenvolvimento Urbano e Habitacional de Marília (SP), Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Prefeitura de Campinas (SP), Prefeitura de Confins (MG), Prefeitura de Manga (MG), Prefeitura de Tiradentes (MG), Tribunal de Justiça do Acre, Tribunal de Justiça da Paraíba e Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte.

Instituição/Órgão Prazo Vagas Salário máximo Escolaridade Local de trabalho Edital
Agência Nacional de Telecomunicações(Anatel) 30/07/12 46 R$ 9.263,20 nível médio e superior Brasília, Belém, Belo Horizonte, Campo Grande, Goiânia, Maceió, Recife e São Paulo veja edital
Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará 20/07/12 4 e cadastro R$ 6.774,83 nível superior Fortaleza veja edital
Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina/Programa de Atenção Integral à Saúde 12/07/12 439 R$ 3.600 nível médio e superior Balneário Camboriú, Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joaçaba, Joinville, Lages, Araranguá, Caçador, Canoinhas, Curitibanos, Itajaí, Jaraguá do Sul, Mafra, Rio do Sul, São Joaquim, São José, São Miguel d’Oeste, Tubarão e Xanxerê veja edital
Banco do Estado do Pará 15/07/12 15 e cadastro R$ 6.000 nível médio e superior Pará veja edital
Câmara Municipal de Ananindeua (PA) 10/09/12 68 R$ 1.076,26 todos os níveis Ananindeua (PA) veja edital
Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes (RJ) 02/08/12 30 R$ 2.835,38 nível médio e superior Campos dos Goytacazes (RJ) veja edital
Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães (MT) 16/07/12 6 R$ 2.177 nível fundamental e superior Chapada dos Guimarães (MT) veja edital
Câmara Municipal de Eldorado (SP) 22/07/12 1 e cadastro R$ 3.541,54 nível médio e superior Eldorado (SP) veja edital
Câmara Municipal de João Monlevade (MG) 05/08/12 16 R$ 1.582,05 nível médio João Monlevade (MG) veja edital
Câmara Municipal de Lins (SP) 10/07/12 6 R$ 2.139,11 nível fundamental e médio Lins (SP) veja edital
Câmara Municipal de Nova Iguaçu (RJ) 25/07/12 125 R$ 1.514 todos os níveis Nova Iguaçu (RJ) veja edital
Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer 10/08/12 20 R$ 9.994,93 nível médio e superior Campinas (SP) e Fortaleza veja edital
Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) 02/08/12 155 e cadastro R$ 5.848,43 nível superior Brasília e João Pessoa veja edital
Conselho Regional de Enfermagem do Amapá 10/08/12 3 e cadastro R$ 3.500 nível superior Amapá veja edital
Corpo de Bombeiros do Acre 09/07/12 250 R$ 1.717,81 nível médio Acre veja edital
Corpo de Bombeiros da Paraíba 22/07/12 15 R$ 4.524,52 nível médio Paraíba veja edital
Empresa de Desenvolvimento Urbano e Habitacional de Marília (SP) 23/07/12 7 R$ 2.795,88 todos os níveis Marília (SP) veja edital
Fundação Ezequiel Dias 31/07/12 166 R$ 3.963,91 nível médio/ técnico e superior Belo Horizonte veja edital
Gás de Alagoas S.A. 20/07/12 cadastro de reserva R$ 4.753,23 nível médio/técnico e superior Alagoas veja edital
Hospital Regional Norte, no Ceará 05/08/12 5.302 R$ 7.955,04 nível médio e superior Sobral (CE) veja edital
Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia 20/08/12 4 R$ 9.905,28 nível superior Rio de Janeiro veja edital
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia 10/08/12 91 R$ 9.994,93 nível médio e superior Manaus, Santarém (PA), Boa Vista e Porto Velho veja edital
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (1) 31/07/12 17 R$ 11.205,36 nível superior Cachoeira Paulista (SP), São José dos Campos (SP), Natal e Belém veja edital
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (2) 09/08/12 62 R$ 12.685,16 nível técnico e superior Alcântara (MA), Cachoeira Paulista (SP), Cuiabá e São José dos Campos (SP) veja edital
Instituto Nacional de Tecnologia 06/08/12 35 R$ 9.905,28 nível técnico e superior Rio de Janeiro veja edital
Instituto de Previdência do Estado de Roraima 16/07/12 46 R$ 2.854,56 nível médio e superior Roraima veja edital
Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Hortolândia (SP) 13/07/12 12 R$ 4.700 todos os níveis Hortolândia (SP) veja edital
Marinha (1) 19/07/12 2.200 não informado nível fundamental Fortaleza, Recife, Vitória e Florianópolis veja edital
Marinha (2) 31/07/12 178 não informado nível superior Rio de Janeiro veja edital
Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação 18/07/12 510 R$ 9.157,15 nível médio e superior Brasília, Belém, Campina Grande/PB, Campinas/SP, Itajubá/MG, Manaus, Petrópolis/RJ, Rio de Janeiro, São José dos Campos/SP, Santa Maria/RS, Natal e Belém veja edital
Ministério Público do Estado do Amapá 10/07/12 50 e cadastro R$ 20.677,84 nível médio e superior Amapá veja edital
Observatório Nacional 10/08/12 23 R$ 13.214,36 nível técnico e superior Rio de Janeiro e Belém veja edital
Polícia Civil do Pará 18/07/12 600 R$ 7.695,02 nível superior em qualquer área e em direito Pará veja edital
Polícia Civil de Rondônia 30/07/12 32 R$ 8.085,44 nível superior em medicina Rondônia veja edital
Polícia Federal 09/07/12 600 R$ 13.368,68 nível superior Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima e em unidades de fronteira veja edital
Polícia Militar do Acre 16/07/12 240 R$ 1.717,81 nível médio Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia, Xapuri, Acrelândia, Bujari, Porto Acre, Plácido de Castro, Senador Guiomard, Capixaba, Rio Branco, Manoel Urbano, Sena Madureira, Santa Rosa do Purus, Feijó, Jordão, Tarauacá, Cruzeiro do Sul, Macio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves veja edital
Polícia Militar de Alagoas 27/07/12 1.040 R$ 2.200 nível médio Alagoas veja edital
Polícia Militar do Distrito Federal 15/07/12 285 R$ 7.947,50 nível superior Distrito Federal veja edital
Polícia Militar do Pará 30/07/12 2.180 R$ 4.083,69 nível médio e superior Pará veja edital
Polícia Militar da Paraíba 15/07/12 30 não informado nível médio Paraíba veja edital
Prefeitura de Águas Lindas de Goiás (GO) 15/07/12 1.392 R$ 2.000 todos os níveis Águas Lindas de Goiás (GO) veja edital
Prefeitura de Araçoiaba da Serra (SP) 09/07/12 209 R$ 1.416,34 todos os níveis Araçoiaba da Serra (SP) veja edital
Prefeitura de Areal (RJ) 22/07/12 113 R$ 4.711,44 todos os níveis Areal (RJ) veja edital
Prefeitura de Balneário Camboriú (SC) 13/08/12 133 R$ 7.620,76 todos os níveis Balneário Camboriú (SC) veja edital
Prefeitura de Botucatu (SP) 20/07/12 35 R$ 2.031,81 todos os níveis Botucatu (SP) veja edital
Prefeitura de Cabrobó (PE) 11/08/12 484 R$ 6 mil todos os níveis Cabrobó (PE) veja edital
Prefeitura de Cajamar (SP) 17/07/12 47 R$ 1.273,67 nível médio Cajamar (SP) veja edital
Prefeitura de Campinas (SP) (1) 15/07/12 29 R$ 3.795,22 todos os níveis Campinas (SP) veja edital
Prefeitura de Campinas (SP) (2) 29/07/12 5 R$ 5.516,94 nível superior em direito Campinas (SP) veja edital
Prefeitura de Confins (MG) 09/08/12 90 R$ 3.827,08 todos os níveis Confins (MG) veja edital
Prefeitura de Goiânia 15/07/12 80 R$ 2.849,98 nível superior em direito Goiânia veja edital
Prefeitura de Guarulhos (SP) 26/07/12 165 e cadastro R$ 11.044,87 todos os níveis Guarulhos (SP) veja edital
Prefeitura de Ibiapina (CE) 20/07/12 445 R$ 6.500 todos os níveis Ibiapina (CE) veja edital
Prefeitura de Ibimirim (PE) 12/07/12 411 R$ 3.270 todos os níveis Ibimirim (PE) veja edital
Prefeitura de Itaperuna (RJ) 20/07/12 581 R$ 2.537,27 todos os níveis Itaperuna (RJ) veja edital
Prefeitura de Joaçaba (SC) 13/07/12 3 e cadastro R$ 950,08 nível médio e técnico Joaçaba (SC) veja edital
Prefeitura de Jacinto (MG) 17/07/12 142 R$ 900 todos os níveis Jacinto (MG) veja edital
Prefeitura de Jardim Alegre (PR) 12/07/12 79 R$ 8.901,99 todos os níveis Jardim Alegre (PR) veja edital
Prefeitura de Machado (MG) 18/07/12 61 R$ 2.798,67 todos os níveis Machado (MG) veja edital
Prefeitura de Manga (MG) 20/07/12 22 R$ 12.000 nível médio/técnico e superior Manga (MG) veja edital
Prefeitura de Mantena (MG) 26/07/12 318 R$ 6.255,30 todos os níveis Mantena (MG) veja edital
Prefeitura de Miracatu (SP) 13/07/12 29 R$ 1.157,90 nível fundamental e médio Miracatu (SP) veja edital
Prefeitura de Panamá (GO) 26/08/12 100 R$ 8.000 nível médio/ técnico e superior Panamá (GO) veja edital
Prefeitura de Piedade dos Gerais (MG) 11/07/12 67 R$ 4.000 todos os níveis Piedade dos Gerais (MG) veja edital
Prefeitura de Porto de Moz (PA) 31/07/12 716 R$ 6.000 todos os níveis Porto de Moz (PA) veja edital
Prefeitura do Rio de Janeiro 09/07/12 100 R$ 1.092,48 nível médio e superior Rio de Janeiro veja edital
Prefeitura de São Roque (SP) 19/07/12 36 R$ 1.856,48 todos os níveis São Roque (SP) veja edital
Prefeitura de Taboão da Serra (SP) 13/07/12 32 e cadastro R$ 25 por hora nível superior em medicina Taboão da Serra (SP) veja edital
Prefeitura de Tiradentes (MG) 20/07/12 30 R$ 3.121,05 todos os níveis Tiradentes (MG) veja edital
Prefeitura de Toledo (PR) 12/07/12 24 R$ 12.822,96 nível superior Toledo (PR) veja edital
Procuradoria-Geral do Estado do Pará 10/07/12 12 R$ 7.409,54 nível superior em direito Pará veja edital
Procuradoria Geral do Município de João Pessoa 25/07/12 20 R$ 5.700 nível superior em direito João Pessoa veja edital
Secretaria de Articulação Social e Regional do Estado de Pernambuco 05/08/12 134 R$ 3.200 nível superior Recife, Cabo, Caruaru, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Petrolina e Vitória de Santo Antão veja edital
Secretaria das Cidades e do Planejamento e Gestão do Estado do Ceará 02/08/12 92 R$ 7.580,95 nível superior Fortaleza veja edital
Secretaria de Estado da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná 10/07/12 200 R$ 1.199,09 nível médio Curitiba, Guarapuava, Maringá e Ponta Grossa. veja edital
Secretaria de Estado da Justiça e da Defesa da Cidadania de São Paulo 10/07/12 218 não há nível superior em direito São Paulo veja edital
Secretaria da Segurança, Defesa e Cidadania do Estado de Rondônia 30/07/12 32 R$ 8.085,44 nível superior em medicina Rondônia veja edital
Serviço Municipal de Saneamento Básico do Município de Unaí (MG) 24/07/12 51 R$ 4.405,04 todos os níveis Unaí (MG) veja edital
Termobahia 09/07/12 47 R$ 6.475,71 nível médio e superior São Francisco do Conde (BA) veja edital
Tribunal de Justiça do Acre 27/07/12 42 e cadastro R$ 4.135,56 nível superior em direito Acrelândia, Assis Brasil, Brasiléia, Feijó, Manoel Urbano, Plácido de Castro e Xapuri veja edital
Tribunal de Justiça de Minas Gerais 13/07/12 431 remuneração varia de acordo com os serviços prestados nível superior em direito Minas Gerais veja edital
Tribunal de Justiça  da Paraíba (1) 11/07/12 18 R$ 3.300 nível superior em direito Paraíba veja edital
Tribunal de Justiça da Paraíba (2) 31/08/12 84 não há nível superior em direito Paraíba veja edital
Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte 10/08/12 105 remuneração varia de acordo com os serviços prestados nível superior em direito Rio Grande do Norte veja edital
Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro 27/07/12 13 R$ 20.677,85 nível superior em direito Rio de Janeiro veja edital
Tribunal Regional Eleitoral do RIo de Janeiro 13/07/12 19 e cadastro R$ 6.611,39 nível médio e superior Rio de Janeiro veja edital
Tribunal Regional Federal da 5ª Região 20/07/12 cadastro de reserva R$ 6.551,52 nível médio e superior Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas e Sergipe veja edital
Tribunal Regional do Trabalho da 23ª Região (Mato Grosso) 10/07/12 4 R$ 21.766,15 nível superior em direito Mato Grosso veja edital
Tribunal Superior do Trabalho 13/07/12 37 e cadastro R$ 6.611,39 nível médio e superior Brasília veja edital
Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro 31/07/12 37 R$ 2.692,54 nível médio/ técnico e superior Rio de Janeiro veja edital
Universidade Federal de Campina Grande (PB) 08/08/12 85 R$ 2.989,33 todos os níveis Campina Grande (PB) veja edital
Valec – Engenharia, Construções e Ferrovias 13/07/12 800 R$ 6.100 nível médio e superior Brasília, Ilhéus (BA), Goiânia, Palmas, Rio de Janeiro, Iturama (MG), Lucas do Rio Verde (MT) e Estrela do Oeste (SP) veja edital

Confira mapa com 5,4 mil vagas na Grande São Paulo

Calçadão da Alameda Rio Negro em Alphaville Cidade de Barueri Região Oeste Metropolitana da Grande São Paulo – Foto de Junior Holanda 06.07.2012

 

Vagas são oferecidas pelo Centro de Solidariedade ao Trabalhador. G1 traz tabela dividida por cargos operacionais, administrativos e técnicos.

 Do G1, em São Paulo

A região metropolitana de São Paulo tem o total de 5.484 vagas abertas nesta semana, sendo 34 para deficientes, oferecidas pelo Centro de Solidariedade ao Trabalhador (CST), centro de intermediação de mão-de-obra localizado na cidade de São Paulo.

Um subtotal de 5.136 vagas se destina a candidatos que tenham fácil acesso ou residam perto do local de trabalho, uma preferência dos empregadores – veja na tabela abaixo a relação de todos os cargos por áreas (operacional, administrativa e técnica), os requisitos exigidos e os salários mínimos e máximos em cada função.

Mapa de empregos de São Paulo 04-07 (Foto: Arte/G1)

Existem ainda 314 chances para candidatos da Grande São Paulo (Guarulhos, Osasco e cidades do ABC).

Não há um prazo para inscrição. A seleção é feita até o preenchimento das vagas. Por isso, é recomendado que os candidatos compareçam às unidades do CST o quanto antes.

De acordo com o Centro de Solidariedade ao Trabalhador, as vagas da área administrativa são preenchidas mais rapidamente que as demais devido à grande procura.

Centro O Centro oferece 1.743 oportunidades, sendo que os cargos com maior número de vagas são para operador de telemarketing (774), operador de caixa (160) e auxiliar de cobrança (102).

Há também 31 vagas para vendedor (entre R$ 800 e R$ 1.400), 8 para promotor de vendas (entre R$ 802 e R$ 825), 2 para arquivista de documentos (R$ 1.300), 2 para tosador (R$ 961) 1 para auxiliar de escrituração fiscal (R$ 2 mil) e 1 para massagista (R$ 773).
Zona Oeste Na Zona Oeste são 1.141 vagas, sendo que os cargos com maior número de vagas são de recepcionista (200), atendente (89) e auxiliar de limpeza (42).

Há ainda 38 vagas para garçom (a combinar), 23 para operador de caixa (entre R$ 761 e R$ 853), 2 para eletricista (R$ 1.061) e 2 para auxiliar de marceneiro (R$ 1.100).
Zona Leste Na Zona Leste são 1.084 oportunidades, sendo que os cargos com maior número de vagas são vendedor (34), motorista (14) e porteiro (14).

Há ainda 7 vagas para frentista (R$ 1.027), 3 para auxiliar de lavanderia (entre R$ 768), 2 para técnico de enfermagem (R$ 800), 1 para enfermeiro (a combinar), 1 para assistente de logística de transportes (R$ 853) e 1 para auxiliar fnenceiro (R$ 1 mil).
Zona Sul Na Zona Sul são 855 vagas, sendo que os cargos com maior número de vagas são de manobrista (123), vigilante (122) e auxiliar de limpeza (93).

Há também 67 vagas para atendente (R$ 701 e R$ 1.152), 38 para cozinheiro (R$ 1.100 e R$ 3.500), 4 para costureira (R$ 969), 2 para gerente administrativo de lanchonete (R$ 1.100), 1 para chefe de serviços de limpeza (R$ 850) e 1 para desenhista industrial gráfico (R$ 1 mil).

Zona Norte Na Zona Norte são 313 vagas, sendo que os cargos com maior número de vagas são de conferente de mercadorias (132), ajudante de cozinha (20) e vigilante (15).

Há ainda 8 vagas para vendedor (entre R$ 853 e R$ 1.019), 5 para recepcionista (a combinar), 4 para manobrista (R$ 942), 2 para digitador (R$ 920), 2 para açougueiro (a combinar) e 2 para auxiliar de torneiro mecânico (a combinar).

Regiões Cargos operacionais Cargos administrativos Cargos técnicos
Centro – Operador de telemarketing  (774 vagas) Requisitos: ensino médio completo ou incompleto (para 768 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 622 e R$ 680
– Operador de caixa (160 vagas)
Requisitos: ensino médio completo ou incompleto (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 622 e R$ 900
– Operador de supermercado (40 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: média de R$ 853
– Auxiliar de cobrança (102 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (para 98 vagas não é necessário ter experiência ) Salário: a combinar
– Analista de documentação (30  vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (não é necessário ter experiência)
Salário:
R$ 622
– Auxiliarde escritório (14 vagas)
Requisitos: ensino médio completo ou incompleto (necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Eletricista de manutenção (10 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.400
– Peixeiro (2 vagas) Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 950
– Retificador de motores a gasolina (1 vaga) Requisitos: ensino médio incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 2.200
Zona Oeste – Atendente (89 vagas) Requisitos: ensino fundamental ou médio incompleto (para 75 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 650 e R$ 950
– Auxiliar de limpeza (42 vagas)
Requisitos: ensino fundamental ou médio completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 690 e R$ 872
– Empacotador a mão (18 vagas)
Requisitos:
ensino fundamental  incompleto (não é necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Recepcionista (200 vagas)
Requisitos: ensino fundamental e médio completo (não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 823 e R$ 91
– Auxiliar de escritório (1 vaga)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 890
– Chefe de serviços de limpeza (1 vaga)
Requisitos: ensino médio incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 750
– Borracheiro (5 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 873
– Encanador (4 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.061
– Técnico em segurança do trabalho (3 vagas)

Requisitos: ensino médio incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 2.687
Zona Leste – Vendedor (34 vagas)
Requisitos: ensino fundamental ou médio completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 850 e R$ 1.019
– Motorista (14 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo e incompleto ou médio completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 900 e R$ 1.619
– Porteiro (14 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo ou incompleto (para 9 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 805 e R$ 838
– Montador de móveis de madeira (10 vagas)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 840
– Auxiliar de pessoal (2 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 1.200 e R$ 1.500
– Secretária (1 vaga)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (não é necessário ter experiência)
Salário: R$ 900
– Montador de móveis de madeira (10 vagas)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 826
– Torneiro mecânico (5 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.300
– Serralheiro de alumínio (3 vagas)

Requisitos: ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: R$ 982
Zona Sul – Manobrista (123 vagas)
Requisitos: ensino fundamental ou médio completo (para 80 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 889 e R$ 1.500
– Vigilante (122 vagas)
Requisitos: ensino fundamental ou médio completo e incompleto (para 17 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 750 e R$ 1.024
– Auxiliar de limpeza (93 vagas)
Requisitos: ensino fundamental e médio completo e incompleto (para 44 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 690 a R$ 868
Recepcionista (64 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (para 63 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 622 e R$ 1.060
– Mensageiro (13 vagas) Requisitos: ensino médio completo (não é necessário ter experiência)
Salário: R$ 710
– Auxiliar de cobrança (2 vagas)
Requisitos:
ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 650
– Auxiliar de enfermagem (12 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (para 2 vagas é necessário ter experiência)
Salário: entre R$ 800 e R$ 1.800
– Professor de inglês (11vagas)
Requisitos: ensino médio completo ou superior incompleto (necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Cabeleireiro (5 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.000
Zona Norte – Ajudante de cozinha (20 vagas) Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 980
– Vigilante (15 vagas)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (necessário ter experiência)
Salário: média de R$ 1.024
– Auxiliar de limpeza (13 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo ou incompleto (necessário ter experiência) Salário: a combinar
– Conferente de mercadorias (132 vagas)
Requisitos: ensino fundamental incompleto (para 130 vagas não é necessário ter experiência)
Salário: a combinar
– Auxiliar de cobrança (2 vagas)
Requisitos: ensino médio completo (necessário ter experiência)
Salário: média de R$ 864
– Auxiliar de escrituração fiscal (1 vaga)
Requisitos: ensino superior completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 2 mil
– Tecelão de malhas (3 vagas) Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência) Salário: a combinar
– Polidor de metais (2 vagas)

Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário: R$ 1.800
– Serralheiro (2 vagas)
Requisitos: ensino fundamental completo (necessário ter experiência)
Salário:
a combinar

Como se candidatar Os interessados nas vagas do Centro de Solidariedade ao Trabalhador devem comparecer aos endereços abaixo com carteira profissional, RG, CPF, certificado de escolaridade e currículo.

Centro de Solidariedade ao Trabalhador de São Paulo
Região central
Rua Galvão Bueno, 782 – Liberdade
Zona Sul
Rua Barão do Rio Branco, 864 – Santo Amaro
Estrada de Itapecerica, 3.770
Zona Norte
Avenida Cabo Adão Pereira, 387 – Pirituba
O horário de atendimento é das 7h às 16h, de segunda a sexta-feira